Sexta, 19 Junho 2015 13:05

Skatistas reclamam das pistas de Tramandaí

Irmãos fecham rua uma vez por semana e montam pista de street para que jovens pratiquem o esporte

 

Nesse domingo (21), é comemorado o Dia Mundial do skate, Tramandaí possui duas pistas, na região central. Uma no Centro de Eventos, outra na Av. Beira Mar. Os skatistas da região reclamam das condições dos locais e pedem a construção de mais pistas para a prática do esporte. Para dar ainda mais oportunidade aos jovens, dois irmãos, empresários de Tramandaí, uma vez por semana, fecham a rua José Antônio de Freitas e realizam o ‘Role Native’.

Tramandaí possui duas pistas de skate, uma no Centro de Eventos e a outra na Av. Beira Mar, junto a Praça General Muller. Os skatistas que utilizam as estruturas, no entanto, reclamam que precisaria haver mais espaço dedicado ao esporte, e também falam sobre a falta de conservação das pistas.

De acordo com o adolescente, F. M. S., 15 anos, que anda de skate há 1, o problema em Tramandaí, são os buracos e poças d’água nas pistas. Ele conta que antes de começar a praticar o esporte, só ficava em casa assistindo televisão, agora tem mais disposição para as atividades do dia a dia.

O também adolescente Arthur Garcia, 16 anos, há 4 anda de skate e também reclama da falta de manutenção nas pistas, de acordo com ele, quando há qualquer problema, quem precisa fazer o conserto são os próprios skatistas.

Segundo o secretário de Obras e Limpeza Urbana, Antônio Rodrigues, os pedidos para manutenção nas pistas de skate devem ser feitos diretamente na Administração Municipal. “Sempre atendemos quando fomos chamados, mas precisamos que as pessoas que utilizam as pistas nos avisem quando houver qualquer problema”. O secretário diz ainda que não há previsão para construção de mais pistas na cidade.

Já que as duas pistas existentes em Tramandaí, ficam na região Central, o skatista e empresário, Sandro Schmidt e o irmão, também empresário, Eduardo, fecham a rua José Antônio de Freitas, bairro São Francisco II, para que as crianças e adolescentes possam praticar o esporte, o evento é chamado de ‘rolé Native’ que acontece há cerca de dois anos nas noites de quarta-feira. Uma pista de street é montada na rua, para que os jovens treinem manobras e também se divirtam. Aqueles que nunca tiveram contato com o skate ainda tem a oportunidade de aprender os ‘primeiros passos’, com Sandro, que ensina o básico às crianças gratuitamente. Eduardo ajuda a montar a pista e em dias de campeonato cede iluminação e equipamento de som para os eventos. Algumas competições são organizadas apenas pelos irmãos Schmidt, outras tem o apoio da Askat – Associação dos Skatistas de Tramandaí e da Administração Municipal.

No ano passado, Sandro e Eduardo, estiverem a frente da organização do Circuito Estudantil, que avaliou os participantes não só pelas manobras no skate, mas também pelo desempenho escolar. Após a competição, inclusive, o comportamento e as notas dos skatistas melhoraram, como explica Sandro. “A gurizada gosta bastante dessas competições, e foi legal porque tivemos acesso ao boletim escolar deles, e ai passaram a se comportar melhor em sala de aula, a prestar mais atenção nas matérias, e como consequência se saíram melhores nas provas”.

O próximo evento organizado pelos irmãos será o Best Trick – Melhor Manobra, que começará a ser preparado em julho. 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Banner Lateral Claro

Banner Agafarma
Bannerbaixo2
ENDEREÇO: TELEFONES: E-MAILS: Desenvolvido por
Rua Siqueira Campos, 432
Tramandaí - RS
51. 3684.3033
51. 3661.3505
 redacao@jornaldimensao.com.br